110V e 127V: entenda as diferenças

Compartilhe com os amigos

110V e 127V: entenda as diferenças

Através deste artigo, entenda a diferença entre 110V e 127V

Uma coisa é certa: quem nunca se confundiu com a tensão (voltagem) das tomadas, sejam elas de 110V, 220V ou até mesmo 127V.

Fique tranquilo, pois essa é uma dúvida natural, que atinge praticamente todas as pessoas que não possuem qualquer especialização sobre elétrica.

É muito importante pesquisar e buscar entender a diferença das diferentes tensões (voltagem), sobretudo para evitar acidentes que poderiam facilmente ser evitados com uma simples leitura.

Tendo isso em mente, criamos um guia simples e prático para ajudar as pessoas a entender melhor a diferença entre 110V e 127V.

Afinal, qual a diferença entre 110V e 127V? Ambas as tensões (voltagens) são iguais?

110V e 127V: entenda as diferenças

Não. Respondendo prontamente à segunda pergunta, saiba antes de tudo que 110V e 127V não são iguais e, portanto, não devem ser confundidas.

As voltagens em 110 E 127 são diferentes. E vamos explicar exatamente o porquê.

As tensão nominal de 110V não é mais utilizada pelas empresas fabricantes de aparelhos domésticos, distribuidores,  construtoras  e empresas de reforma, justamente por não serem mais reconhecidas pelo governo brasileiro, já que em dezembro de 1999 todas as concessionárias de energia deveriam substituir as redes em 110V para o sistema padrão de 127 V ou 220 V.

Portanto, desde o fim da tensão nominal 110V, em seu lugar surgiu a tensão nominal em 127V.

Por que 127V?

Esse valor de 127V é tido como o valor eficaz de tensão – por isso a mudança no padrão da tensão nominal, aposentando a tensão em 110V.

Claro, existe uma variação natural quando tentamos medir uma tensão da rede alternada. Por esse motivo, as concessionárias estipularam uma variação máxima entre 116V e 133V. Logo, todos os equipamentos fabricados no Brasil, após serem testados e aprovados pelo Inmetro, devem suportar essa variação de tensão.

E se eu ligar um aparelho 110 em uma tomada em 127V?

É muito provável que seu aparelho funcionará “normalmente”, a princípio.  Contudo, por ter sido projetado para uma tensão menor do que onde ele foi plugado, nesse caso o 127V, provavelmente ele aquecerá, podendo ter sua vida útil reduzida de forma drástica e exponencial.

Além de danificar o aparelho, fazer isso pode comprometer a parte elétrica do imóvel, ocasionando em eventuais problemas, como quedas de energia, disjuntores desligando e até mesmo curtos-circuitos, que podem culminar em princípios de incêndios.

Então, se alguém tentar te convencer que não há problemas ao ligar aparelhos 110V em tomadas 127V, não acredite.

Portanto, por todos esses motivos, torna-se imprescindível ficar atento à tensão (voltagem)  dos aparelhos e das tomadas.

Não, 220V não é o dobro de 110V!

Engana-se quem pensa que a tensão em 220 significa, pura e simplesmente, o dobro de 110.

Na verdade, há um outro motivo para a escolha do 220.

Em suma, o uso do 220V se deve a uma associação entre duas fases de 127V.

Como o sistema de distribuição é trifásico, ou seja, composto por 3 fases de 127V, o 220V é um resultado de 127V vezes 1,73 (este número é a raiz quadrada de 3, esse 3 por ser de um sistema trifásico).

Esse valor de tensão (voltagem) é a diferença entre as senóides das ondas formada na geração da tensão junto a concessionaria de energia. A energia elétrica é representada pela coordenadas cartesianas e a diferença entre os picos da tensão é o valor da tensão que conhecemos.

O resultado exato dessa conta (127V vezes 1,73) é de 219, 71. Contudo, ninguém chamaria uma tensão nominal de 219,71V.

Logo, utiliza-se do bom senso e opta-se por arredondar esse valor para o 220V.

Como evitar problemas elétricos em casa? Confira as melhores dicas

 

 

Quais aparelhos domésticos mais gastam energia? Saiba como economizar na conta de luz

 

 

 


Compartilhe com os amigos

Deixe seu comentário, ele é importante para nós

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *