Curto-circuito na rede elétrica: saiba o que fazer

Compartilhe com os amigos

Curto-circuito na rede elétrica: saiba o que fazer

Através deste artigo, saiba o que fazer ao acontecer um curto-circuito na rede elétrica

A rede elétrica está presente no dia a dia de qualquer pessoa. Em qualquer lugar que a gente vá a eletricidade se faz presente de alguma forma.

Com a eletricidade surge também alguns problemas como, por exemplo, os curtos-circuitos. Eles podem surgir em diferentes lugares de toda a instalação elétrica, desde simples tomadas até ao disjuntor.

Tenha em mente que o curto-circuito é algo extremamente perigoso, não só por poder queimar os aparelhos da casa, mas também por colocar em risco a saúde e bem-estar das pessoas no ambiente, como em casos de incêndios.

Curto-circuito na rede elétrica saiba o que fazer

Causas do curto-circuito

Na maioria das vezes, o curto-circuito acontece por omissão e falha humana. Casos em que não há, por exemplo, manutenção na instalação elétrica ou cuidados no uso dos equipamentos do dia a dia são extremamente comuns e podem culminar em um curto-circuito.

Fios com seções erradas, aparelhos de 110v conectados à tomadas de 220v ( e vice-versa), excesso de equipamentos conectados em uma mesma tomada, fios desencapados são apenas algumas razões para o surgimento de um curto-circuito.

Por isso, todo o cuidado é pouco.

Afinal, o que é curto-circuito?

O curto-circuito nada mais é que uma sobrecarga elétrica. Ele surge quando o limite de carga elétrica em um fio ou aparelho é excedido.

Portanto, podemos dizer que, na maioria dos casos, o curto-circuito só existe quando os aparelhos e fios são sobrecarregados.

Como identificar um curto-circuito?

Quem nunca se deparou com um famoso cheiro de queimado vindo da tomada após conectar um aparelho? Esse, por exemplo, é um sinal claro de que pode haver um curto-circuito.

Existem também outros sinais que ajudam a identificar um eventual curto-circuito, como: tomadas manchadas, lâmpadas e aparelhos com vida útil reduzida, queda de energia constante etc.

Identifiquei um curto-circuito, o que fazer?

A primeira coisa a se fazer é desligar toda a eletricidade da casa, escritório ou ambiente (caso o disjuntor não o tenha feito), de forma a evitar maiores danos à estrutura elétrica e aparelhos do imóvel. Feito isso, procure o auxílio de um eletricista.

Ele é o profissional que identificará exatamente a causa do curto e apresentará a melhor solução.

Geralmente, o método corretivo mais eficiente é trocar os fios, as tomadas, o disjuntor, as lâmpadas e qualquer outro tipo de material que possa ter ocasionado o curto-circuito na instalação elétrica.

Curto-circuito na rede elétrica saiba o que fazer

Compre materiais elétricos de qualidade

Uma vez identificada à necessidade de comprar materiais elétricos novos, opte sempre pela qualidade.

Materiais elétricos de qualidade possuem naturalmente mais durabilidade e resistência, evitando, assim, que curtos-circuitos apareçam novamente. Medidas como essa tornam também o imóvel mais seguro.

Por isso, não tenha duvida, necessitando de materiais elétricos a WZ UNIÃO sempre poderá te ajudar.

Como evitar que o curto-circuito apareça novamente?

A melhor forma de evitar o surgimento de novos curtos-circuitos é, além de contar com materiais elétricos novos, realizar uma manutenção periódica.

Esse tipo de ação preventiva identifica de forma precoce eventuais falhas na estrutura elétrica, de modo a evitar, portanto, novos curtos.

Outra excelente maneira para evitar o temido curto-circuito é ficar atento às causas já citadas para a sobrecarga de fios e aparelhos, como ligar muitos aparelhos em uma mesma tomada, conectar equipamentos em tomadas de voltagem errada etc.

Como evitar problemas elétricos em casa? Confira as melhores dicas

 

 

Como evitar problemas elétricos em casa? Confira as melhores dicas


Compartilhe com os amigos

Deixe seu comentário, ele é importante para nós

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *